Buscar por:

MACACÃO DE SEGURANÇA

Proteção do Tronco

Favoritos:

4

Comentários:

10

Avaliação:

4,01 avalição

N° CA:20662

Situação:
VÁLIDO

Validade:
02/07/2023vencerá daqui 1658 dias

N° Processo:
46000002736201851

Fabricante

CNPJ:
08.943.552/0001-45

Razão Social:
VICSA BRASIL EQUIPAMENTOS DE PROTECAO INDIVIDUAL LTDA

Nome Fantasia:
VICSA BRASIL EQUIPAMENTOS DE PROTECAO INDIVIDUAL LTDA

Cidade/UF:
SAO JOSE DOS PINHAIS/PR

Avaliação Geral:

4,00 Bom
6 avaliações

Total de CA's
do Fabricante:165

Dados Complementares

Marcação do CA:
Na etiqueta

Referências:
VIC 85111

Cor:
Branca

Aprovado Para:
PROTEÇÃO DO TRONCO, MEMBROS SU

Restrições:
EPI NÃO APROVADO PARA USO CONT

Observação:
I) EPI aprovado para Tipo ""6"" - vestimenta de proteção (parcial) química com proteção limitada contra líquidos químicos, para a ISO 16602:2007. II) Desempenhos apresentados: a. Nível ""2"" no ensaio de resistência ao rasgamento trapezoidal, que varia de 1 a 6, sendo 6 o melhor resultado; b. Penetração a Líquidos: 3-Ácido Sulfúrico 30%, 3-Hidróxido de Sódio 10%, 3-Butanol, 3-O-Xileno; Repelência a Líquidos: 3-Ácido Sulfúrico 30%, 3-Hidróxido de Sódio 10%, 3-Butanol, 2-O-Xileno, que variam de 0 a 3, sendo 3 o melhor resultado. III) Demais especificações técnicas do EPI deverão ser obtidas junto ao importador.

Laudo

CNPJ do Laboratório:
60.633.674/0006-60

Razão Social:
IPT/FRANCA - INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS

Normas

Norma:
ISO 16602:2007 + A1:2012

Comentários sobre este EPI

MARIANA ARAÚJO (MG), escreveu em 02/06/2018:

Renovação de CA: Bom dia! Este CA será renovado?

  • FABRICANTE, respondeu em 04/06/2018:

    Mariama,
    O EPI registrado no CA 20.662 com referência Steelgen | VIC85111 está valido até 04/11/2018 e já se encontra em processo de renovação junto ao MTE.
    Vale lembrar que na nota técnica DSST/SIT nº 146/2015 do MTE é mantido o entendimento que um EPI somente pode ser comercializado com o CA válido, mas passa a ser permitido que o EPI seja utilizado até o vencimento da data de validade do produto, desde que tenha sido adquirido com o CA válido.

HELIO EVANGELISTA DE AQUINO (DF), escreveu em 21/05/2018:

Comentário: Boa tarde tarde, gostaria de solicitar o Certificado deste EPI, para meu email. heliodddrindf@gmail.com Obrigado

  • FABRICANTE, respondeu em 21/05/2018:

    Sr. Helio, boa tarde! Enviamos em seu e-mail.

ANDRÉ LUIZ ZICHACK (PR), escreveu em 25/05/2015:

Dúvida: Foi aprovado para proteger quais tipos de produtos? Obrigado

  • FERNANDO F (RS), respondeu em 06/02/2017:

    forme MTE : Aprovado Para: PROTEÇÃO DO TRONCO, MEMBROS SUPERIORES E INFERIORES DO USUÁRIO CONTRA RESPINGOS DE PRODUTOS QUÍMICOS.
    Observação: I) EPI Tipo 6 - vestimenta de proteção química c/proteção limitada contra líquidos químicos. II. Desempenhos apresentados: a. Nível "2" no ensaio de resistência ao rasgamento trapezoidal, que varia de 1 a 6, sendo 6 o melhor resultado; b. Penetração a Líquidos: 3-Ácido Sulfúrico 30%, 3-Hidróxido de Sódio 10%, 3-Butanol, 3-O-Xileno; Repelência a Líquidos: 3-Ácido Sulfúrico 30%, 3-Hidróxido de Sódio 10%, 3-Butanol, 3-O-Xileno, que variam de 0 a 3, sendo 3 o melhor resultado.

JANE MARCELA BONACIO (PR), escreveu em 18/03/2014:

Crítica: Protege, mas rasga com muita facilidade.

  • FABRICANTE, respondeu em 21/03/2014:

    Nosso macacão Steelgen já está com CA renovado, de acordo com a Norma ISO16602:2007 em um dos ensaios é verificado a resistência da Vestimenta Química, uma das diferenças dessa nova norma é justamente a possibilidade de verificar o nível de desempenho da vestimenta química e comparar com os do concorrentes.

    Mas por tratar de um material sintético (fibra de polipropileno) existem outros fatores que podem influenciar em sua resistência. Como.

    Armazenagem- O Macacão Steelgen deve ser mantido entre 15° e 25°C, no escuro (caixa de papelão), sem exposição à luz UV e umidade.
    Manuseio – Pode ocorrer a indicação do tamanho incorreto, numero menor da vestimenta, forçando assim o equipamento.
    Áreas de Trabalho com pontos de canto vivo ou outra situação que podem provocar o rasgamento.

    O importante é salientar que é uma vestimenta de uso descartável e sua gramatura (espessura) pode interferir no conforto do usuário, sua reutilização pode comprometer a durabilidade e a eficiência de proteção do equipamento.

  • FERNANDO F (RS), respondeu em 06/02/2017:

    já utilizamos este epi, conforme o seu CA ele foi elaborado para apenas proteger contra respingos de produtos químicos, e esta situação o profissional responsável deve ter um cuidado muito especial, uma vez que uma avaliação errada pode causar sérias lesões ao usuário, como forma de prevenção pode usar um avental sobreposto. abaixo esta as informações técnicas fornecidas pelo MTE. Aprovado Para: PROTEÇÃO DO TRONCO, MEMBROS SUPERIORES E INFERIORES DO USUÁRIO CONTRA RESPINGOS DE PRODUTOS QUÍMICOS.
    Observação: I) EPI Tipo 6 - vestimenta de proteção química c/proteção limitada contra líquidos químicos. II. Desempenhos apresentados: a. Nível "2" no ensaio de resistência ao rasgamento trapezoidal, que varia de 1 a 6, sendo 6 o melhor resultado; b. Penetração a Líquidos: 3-Ácido Sulfúrico 30%, 3-Hidróxido de Sódio 10%, 3-Butanol, 3-O-Xileno; Repelência a Líquidos: 3-Ácido Sulfúrico 30%, 3-Hidróxido de Sódio 10%, 3-Butanol, 3-O-Xileno, que variam de 0 a 3, sendo 3 o melhor resultado.

  • BRUNO DELAMARE (SP), respondeu em 18/07/2017:

    Mas quer dizer então que esse macacão não tem aprovação para ser utilizado contra particulas sólidas? tipo 5 da ISO 16602?

Avalie este EPI

Sua avaliação é muito importante para toda a comunidade de Profissionais de SMS.

×
Publicidade:
×
E-mail:
Senha:
Entrar
Esqueci Senha | Cadastre-se
×
Enviar Lista de EPIs por E-mail
Remetente:
E-mail Remetente:
Destinatário:
E-mail Destinatário:
Mensagem:
Enviar
×
Minha Lista de EPIs Nenhum Item
×

O que é CA?

O CA - Certificado de Aprovação - é um documento emitido pelo Ministério do Trabalho e Emprego que tem por finalidade avaliar e manter um padrão nos equipamento de proteção.

A NR6 - que regulariza os equipamentos de proteção individual - exige que todo equipamento de proteção individual, de fabricação nacional ou importado, só poderá ser posto à venda ou utilizado com a marcação do CA.

Para se obter um CA, o fabricante ou importador, deve enviar uma amostra do equipamento para um laboratório autorizado, o laboratório faz testes com esse equipamento e emite um laudo com as características do produto. Esse laudo é enviado ao MTE para emissão do CA que garantirá o padrão dos equipamentos que devem obedecer as especificações presentes no laudo.

Como funciona o Portal ConsultaCA.com? Assista nosso vídeo!