Buscar por:

Favoritos:

1

Comentários:

11

Avaliação:

5,01 avalição

N° CA:31752

Situação:
VÁLIDO

Validade:
16/01/2023vencerá daqui 1639 dias

N° Processo:
46000008590201776

Ofertas relacionadas a este EPI

Equipamento

PROTETOR FACIALProteção dos Olhos e Face

Descrição

Protetor facial composto de: a) visor de policarbonato incolor, com cerca de 190 mm de altura e 280 mm de largura (Modelo V-Gard 190); b) visor de policarbonato incolor, com cerca de 180 mm de altura e 280 mm de largura, com suporte queixeira padrão ou retrátil, confeccionado de material plástico preto, encaixado na parte inferior do visor por meio de três pinos plásticos (Modelo V-Gard 190 Plus); c) visor de policarbonato incolor, com cerca de 230 mm de altura e 280 mm de largura (Modelo V-Gard 240). Os visores são fixados em um suporte basculante confeccionado em plástico preto, em forma de arco, através de pinos plásticos e presos nas hastes também de material plástico preto, as quais são encaixadas nas fendas laterais do casco do capacete. Opcionalmente, um protetor de detritos confeccionado em material plástico pode ser montado na parte superior do arco e na aba do capacete. O Protetor Facial deve ser utilizado em conjunto com os seguintes capacetes de segurança: referência V-GARD, detentor do CA nº 498 (classe B) e CA nº 8.304 (classe A); referência MAXTGARD, detentor do CA nº 19.824 (classe B); referência V-GARD 500, detentor do CA nº 31.034 (classe B)e CA nº 31.036 (classe A); todos capacetes são fabricados pela empresa MSA do Brasil Equipamentos e Instrumentos de Segurança Ltda.

Fabricante

CNPJ:
45.655.461/0001-30

Razão Social:
MSA DO BRASIL EQUIP E INSTRUMENTOS DE SEGURANCA LTDA

Site:
http://br.msasafety.com

Cidade/UF:
DIADEMA/SP

Avaliação Geral:

4,94 Ótimo
53 avaliações

Total de CA's
do Fabricante:257

Laudo

CNPJ do Laboratório:
60.633.674/0006-60

Razão Social:
IPT/FRANCA - INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS

Normas

Norma:
ANSI/ISEA Z87.1-2015

Comentários sobre este EPI

CID LEAL (SP), escreveu em 10/01/2018:

Renovação de CA: Ola! Boa noite! Assim como foi enviado a Sra. Sandra, gostaria também de estar recebendo o protocolo de renovação do equipamento. Por gentileza teria como nos enviar? Grato pela atenção!

  • FABRICANTE, respondeu em 16/01/2018:

    Bom dia Sr Cid!
    Como solicitado, o protocolo de renovação do CA 31752 foi enviado para o e-mail do Sr.
    Permanecemos a disposição para eventuais dúvidas.
    Atenciosamente,
    Gabriel.

SANDRA DE SOUSA AZEVEDO (MG), escreveu em 09/12/2017:

Renovação de CA: Bom dia,gostaria de receber por e-mail o certificado de renovação do C.A 31752.Aguardo retorno e desde já agradeço.

  • FABRICANTE, respondeu em 11/12/2017:

    Bom dia Sandra!
    O CA 31.752 já está em processo de renovação junto ao MTE. Informamos ainda que ‘’...o uso do EPI, comercializado durante a validade do CA, não fica
    proibido, visto que, à época de sua aquisição, a certificação junto ao MTE era válida".
    Ou seja, após a aquisição final do EPI com CA válido, o empregador deve se atentar à validade do produto informada pelo fabricante, e não mais à validade do CA.
    Encaminhamos para o seu e-mail o protocolo de renovação.
    Atenciosamente,

KARINA RODRIGUES (MG), escreveu em 07/12/2017:

Renovação de CA: bom dia, este c.a 31752 preciso da revalidação dele.

  • FABRICANTE, respondeu em 07/12/2017:

    O CA 31752 encontra-se em renovação, aguardando apenas a emissão da renovação pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Assim que sair a renovação do CA informaremos a senhorita.
    Grato

  • KARINA RODRIGUES (MG), respondeu em 07/12/2017:

    obrigada

KARINA RODRIGUES (MG), escreveu em 07/12/2017:

Renovação de CA: bom dia, este c.a 31752 preciso da revalidação dele.

  • FABRICANTE, respondeu em 07/12/2017:

    Bom dia Karina

    Informamos que o CA 31.752 está em processo de renovação junto ao Ministério do Trabalho e Emprego pelo número de Protocolo 46000.008590/2017-76.

    De acordo com a Nota Técnica 146 de 2015 ítem 17. fica definido que: ‘’...o uso do EPI, comercializado durante a validade do CA, não fica proibido, visto que, à época de sua aquisição, a certificação junto ao MTE era válida".
    Ou seja, após a aquisição final do EPI com CA válido, o empregador deve se atentar à validade do produto informada pelo fabricante, e não mais à validade do CA.

    Foi encaminhado para o seu e-mail o protocolo de renovação do CA.
    Ficamos a disposição para qualquer dúvida.
    Atenciosamente,

KARINA RODRIGUES (MG), escreveu em 07/12/2017:

Renovação de CA: bom dia, este c.a 31752 preciso da revalidação dele.

  • FABRICANTE, respondeu em 07/12/2017:

    Bom dia Karina

    Informamos que o CA 31.752 está em processo de renovação junto ao Ministério do Trabalho e Emprego pelo número de Protocolo 46000.008590/2017-76.

    De acordo com a Nota Técnica 146 de 2015 ítem 17. fica definido que: ‘’...o uso do EPI, comercializado durante a validade do CA, não fica proibido, visto que, à época de sua aquisição, a certificação junto ao MTE era válida".
    Ou seja, após a aquisição final do EPI com CA válido, o empregador deve se atentar à validade do produto informada pelo fabricante, e não mais à validade do CA.

    Foi encaminhado para o seu e-mail o protocolo de renovação do CA.
    Ficamos a disposição para qualquer dúvida.
    Atenciosamente,

Avalie este EPI

Sua avaliação é muito importante para toda a comunidade de Profissionais de SMS.

×
Publicidade:
×
Enviar Lista de EPIs por E-mail
Remetente:
E-mail Remetente:
Destinatário:
E-mail Destinatário:
Mensagem:
Enviar
×
Minha Lista de EPIs Nenhum Item
×

O que é CA?

O CA - Certificado de Aprovação - é um documento emitido pelo Ministério do Trabalho e Emprego que tem por finalidade avaliar e manter um padrão nos equipamento de proteção.

A NR6 - que regulariza os equipamentos de proteção individual - exige que todo equipamento de proteção individual, de fabricação nacional ou importado, só poderá ser posto à venda ou utilizado com a marcação do CA.

Para se obter um CA, o fabricante ou importador, deve enviar uma amostra do equipamento para um laboratório autorizado, o laboratório faz testes com esse equipamento e emite um laudo com as características do produto. Esse laudo é enviado ao MTE para emissão do CA que garantirá o padrão dos equipamentos que devem obedecer as especificações presentes no laudo.

Como funciona o Portal ConsultaCA.com? Assista nosso vídeo!